terça-feira, 2 de outubro de 2007

especializações das células epitelais

As células epiteliais apresentam dois pólos: um voltado para uma superfície livre (pólo apical) e outro voltado para o tecido conjuntivo(pólo basal).
no polo apical de certas células epiteliais podem existir diferenciações relacionadas á função que os epitelios desempenham. As principais diferenciações são os cílios e os microvilos (ou microvilosidades).
Os epitelios que apresentam células ciliadas são genericamente chamados epitélios ciliados. Esse tipo de epitélio é encontrado, por exemplo, na tranquéia, onde o batimento ciliar desloca para o exterior do corpo muco com bactérias e partículas de poeira que aderiram a ele. É desa forma que são eliminados elementos etranhos que poderiam penetrar nos pulmões.
Os microvilos são projeções da superficie da célula em forma de dedos de luva, o que aumenta a área superficial da célula e , consequentemente, sua área de absorção.
Os tecidos epiteliais, especialmente os de revestimento, são altamente resistentes á tração e suas células dificilmente se separam uma das outras. As células epiteliais apresentam-se envoltas por uma camada glicoprotéica com função adesiva (glicocálix), existem estruturas especializadas que participam desse processo de adesão.
As principais estruturas de adesão são: zônula de oclusão, zônula de adesão,desmossomos e junções do tipo gap (nexos).
Na zônula de oclusão há junção entre as camadas mais externas da membrana plasmática de de células adjacentes, estabelecendo uma barreira a entrada de macromoléculas no espaço entre células vizinhas. Dessa forma, as macromoléculas só podem penetrar passando pelo interior das células, o que possibilita o controle do que entra nas diferentes estruturas revestidas por epitélios.
Na zônula de adesão, células vizinhas estão firmemente unidas por uma substância intercelular adesiva, mas suas membranas plásmaticas não chegam a se tocar. Na face citoplásmatica dessas membranas existe o acúmulo de material denso, no qual se inserem microfilamentos de actina, conferindo maior resistência a essa região.
Os desmossomos correspondem a "discos" de adesão entre células. São formados por duas partes que se unem, sendo uma delas localizada em uma célula e a outra, na célula vizinha. Em cada célula formam-se discos de material protéico denso (placa citoplásmatica), para onde convergem filamentosde queratina que podem se estender até a placa citoplasmática de outro desmossomo da mesma célula. Como resultado, a força aplicada a um desmossomo pode ser trasmitida a outro da mesma célula, aumentado mais a eficiênia de adesão.

2 comentários:

Natyabacati ;D disse...

Por acaso isso seria uma cópia pura do livro Biologia de Sônia Lopes e Sergio Rosso, da Editora Saraiva?
(Livro de Biologia do 1º Ano)

hugo disse...

ae vlw escrevi isso tudo no meu caderno pra um trabalho XD
vlw vlw flws